Please reload

Posts Recentes

Softbus - e-Social

02/05/2019

1/2
Please reload

Posts em Destaques

Coronavírus: fiscalização do transporte público em Divinópolis é reforçada em pontos de maior movimento

07/05/2020

Agentes de trânsito, além de fiscalizar, fazem o trabalho de conscientização e distribuem máscaras para quem está sem a proteção.

A fiscalização dos ônibus do transporte público em Divinópolis foi reforçada em pontos de maior movimento. Os agentes de trânsito, além de fiscalizar, fazem o trabalho de conscientização e distribuem máscaras para quem está sem a proteção.

Até o dia 27 de abril, o Consórcio TransOeste, responsável pelo transporte público de passageiros em Divinópolis tinha recebido 128 multas por descumprir as medidas de prevenção ao coronavírus impostas pelo Decreto Municipal.

Os servidores estão realizando a blitz nos pontos de ônibus nos horários de pico, de 6h às 9h e das 16h às 19h. O titular da Secretaria Municipal de Trânsito Transporte e Segurança (Settrans), Marcelo Augusto, ressaltou a necessidade de colaboração da população.

"Precisamos que a população colabore, evite entrar em ônibus com superlotação e respeite as normas de saúde definidas, como o uso da máscara dentro do ônibus. Nós fizemos várias alterações nos horários, de forma a atender melhor as necessidades dos usuários", afirmou.

Para os ônibus de transporte público, o decreto vigente permite o tráfego dos veículos, desde que não exceda a capacidade de passageiros sentados.

Ações

 

De acordo com a Prefeitura, desde o início das ações de enfrentamento à Covid-19, a Settrans tem feito fiscalizações nos meios de transportes na cidade. O secretário de Trânsito informou ao G1, na época em que disse sobre as notificações à empresa, que tem reforçado o número de ônibus.

“Nós não temos que colocar três ônibus, um atrás do outro, para o mesmo destino. Temos que fazer um controle do sistema. A quantidade de ônibus que nós temos hoje é suficiente para transportar a quantidade de passageiros da demanda do dia. Nos horários de pico, por exemplo, temos colocado reforço dos ônibus, justamente, para evitar que as linhas transitem com excedentes”, explicou.

Contudo, o Secretário destacou que o problema não é somente de responsabilidade da empresa.

“O próprio motorista está tendo dificuldade, por que para em um ponto para descer três pessoas e outras 15 sobem, por exemplo. A população precisa nos ajudar e colaborar, tendo paciência em aguardar o próximo veículo, e não se sujeitar a esse tipo de procedimento”, disse.

Um ofício assinado por sete vereadores foi enviado à Mesa Diretora da Câmara. O documento pede que o Consórcio TransOeste dê esclarecimentos e tome providências sobre as medidas de prevenção ao coronavírus.

Os parlamentares redigiram o documento baseado nas denúncias de superlotação em horários de pico no transporte público, e em vídeos, ambos por meio de redes sociais.

 

Medidas preventivas

 

As medidas preventivas, incluindo as limpezas dos veículos, continuam sendo realizadas pelo Consórcio Transoeste, que é composto por três empresas.

O ponto de limpeza fica na última parada de ônibus, na Rua Pernambuco, entre as Avenidas 1º de Junho e Getúlio Vargas, no Centro. A parada final dos veículos, localizada no Bairro Planalto, foi destinada à Exdil. A frota urbana da Transpratur recebeu as medidas de higienização na garagem.

 

Tags:

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Linkedin
Please reload

Siga-nos
Please reload

Pesquise por Tags