• Diário do Transporte

Planalto Transportes (RS) entra com pedido de recuperação judicial como medida protetiva

Empresa que atua desde 1948 tentará plano de pagamento de credores e de retomada de crescimento


ADAMO BAZANI


A empresa de ônibus rodoviários Planalto Transportes, uma das mais tradicionais do Rio Grande do Sul, entrou com pedido de recuperação judicial nesta semana na 3ª Vara Cível da cidade de Santa Maria.


O pedido já consta no sistema do TJRS (Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul) e será analisado pelo juiz Michel Martins Arjona.


Com o pedido, a companhia de ônibus, deve elaborar um plano de pagamento de credores e de retomada de crescimento.


A empresa nega que tenta escapar da falência e diz que se trata de uma medida protetiva.


Parceiros de negócios e fornecedores da empresa já foram comunicados pela empresa que teve a situação financeira agravada em decorrência da queda do número de passageiros provocada pela pandemia de covid-19.


A companhia diz que já nota o crescimento do número de passageiros neste mês de julho com o avanço da vacinação e redução de casos de covid-19.


A empresa foi fundada em 02 de novembro de 1948 e possui em torno de 100 linhas interestaduais, intermunicipais e internacionais. Somente no Rio Grande do Sul, são aproximadamente 80 linhas intermunicipais.


As linhas interestaduais ligam o Rio Grande do Sul/RS aos estados de Santa Catarina/SC, Paraná/PR, São Paulo/SP, Minas Gerais/MG, Goiás/GO, Distrito Federal/DF, Bahia/BA e Tocantins/TO. Já as linhas internacionais operadas pela Planalto ligam o Brasil ao Uruguai e à Argentina, segundo o portal da empresa.


Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Posts em Destaques
Posts Recentes