top of page
  • G1 Maranhão

Prefeitura anuncia reajuste de R$ 0,30 na passagem de ônibus em São Luís

Aumento foi anunciado na noite desta quarta-feira (15). Com o aumento, as tarifas sobem para R$ 3,70 (linhas não integradas) e R$ 4,20 (linhas integradas).


Mais um reajuste na tarifa dos ônibus do transporte coletivo de São Luís foi anunciado nesta quarta-feira (15), pelo prefeito Eduardo Braide (PSD). O reajuste é de R$ 0,30 no preço das passagens.


Com o aumento, as tarifas sobem para R$ 3,70 (linhas não integradas) e R$ 4,20 (linhas integradas). Os novos valores devem entrar em vigor a partir de 0h de domingo (19).

O anúncio do reajuste feito horas após o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado do Maranhão (STTREMA) informar a suspensão da paralisação prevista para esta quinta-feira (16).

Em um vídeo, publicado nas redes sociais, o prefeito Eduardo Braide informou que em contrapartida ao reajuste, os empresários deverão fazer melhorias no Sistema de Transporte Público, como aumentar o número de ônibus circulando com ar-condicionado e até o fim do ano, mais de 60 novos ônibus deverão ser integrados à frota.


"Neste ano, os empresários queriam que a passagem subissem para R$ 5,70, mas nós conseguimos deixar a passagem em R$ 4,20. Ou seja, um reajuste de R$ 0,30 e é esse reajuste que vai permitir o aumento dos rodoviários. Em contrapartida, daqui para frente, qualquer subsídio ou repasse da Prefeitura ao Sistema de Transporte Público, terá que haver melhorias. Por isso, exigimos que mais ônibus voltem a rodar com ar-condicionado e ainda neste ano, entregaremos mais de 60 ônibus para renovarmos a frota. É assim que vamos trabalhando pela nossa cidade", disse Eduardo Braide.


O valor das passagens para linhas de ônibus semiurbanas ainda não foi divulgada pela Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB).

Suspensão da greve

Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado do Maranhão (STTREMA) informou, no início da noite desta quarta-feira (15), que decidiu suspender a greve da categoria na Grande Ilha de São Luís, que seria deflagrada nessa quinta-feira (16).


A decisão foi tomada após uma reunião da diretoria do sindicato com a Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB) e o Sindicato dos Empresários de Transporte (SET). Na ocasião, foi apresentada uma contraproposta aos rodoviários, que aceitaram e decidiram suspender o movimento.


O sindicato informou que, na manhã desta quinta-feira, acontecerá um novo encontro entre as partes, para que se possa discutir e viabilizar um entendimento em relação à Convenção Coletiva de Trabalho.

Reivindicações dos rodoviários

Além de reajuste salarial de 15%, os trabalhadores rodoviários reivindicam aumento no valor do ticket alimentação para R$ 900; jornada de trabalho igual para todas as funções (motorista, cobrador e fiscal); e a manutenção do plano de saúde para os trabalhadores com a inclusão de um dependente.

Comments


Posts em Destaques
Posts Recentes
Arquivos
Pesquise por Tags
Nenhum tag.
Siga-nos
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • LinkedIn Social Icon
bottom of page