• G1 Amazonas

Rodoviários fazem paralisação de ônibus em Manaus

Profissionais pedem inclusão da categoria no grupo prioritário da vacina contra Covid e reivindicam pagamento de direitos trabalhistas.


Rodoviários que trabalham no transporte coletivo de Manaus paralisaram os ônibus na tarde desta quarta-feira (19). Eles cobram vacinação contra a Covid e pagamento de direitos trabalhistas.


Ao todo, mais de 800 ônibus ficaram totalmente parados em vários pontos da cidade, informou o sindicato da categoria. Uma das paralisações ocorreu por volta de 14h30, na Avenida Constantino Nery, em frente ao Terminal 1. Os ônibus voltaram a circular por volta de 16h.

Motoristas e cobradores realizaram o ato para cobrar, além da imunização, o pagamento de tickets de alimentação e férias atrasadas, além de reajustes salariais.

Por conta da paralisação, o trânsito ficou mais lento em alguns pontos da capital. O Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (Immu) e a Polícia Militar estiveram no local.

Em nota, o Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) informou que não recebeu nenhuma comunicação oficial, por parte do Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários, sobre uma possível paralisação dos motoristas do sistema de transporte e suas motivações.

Conforme a nota, a prefeitura tem intermediado acordos ao longo de 2021 com o Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários e o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amazonas (Sinetram), para solucionar o problemas dos pagamentos. Além disso, o prefeito David Almeida entrou com um pedido, junto ao Ministério da Saúde, solicitando a inclusão dos motoristas e cobradores no grupo prioritário de vacinação contra a Covid-19.

Posts em Destaques
Posts Recentes
Arquivos
Pesquise por Tags